OFERTA DO DIA

Sistema de Queima Q48 – 1 ano de resultados em 8 semanas – 12x sem juros

Aproveitar

A relação de amor e ódio entre INSULINA e seu PESO – O guia completo

Daniel Darugna Emagrecimento 9 comentários">9 comentários
odio-amor-capa

E aí turma! beleza? O assunto da vez é a insulina. Quando ouvimos a palavra insulina, geralmente pensamos numa droga usada por pessoas que tem diabetes.

Isto é verdade, mas o que você provavelmente ainda não sabe é que a insulina é um dos diversos hormônios criados dentro do nosso corpo, sendo um dos principais hormônios relacionados ao acúmulo de gorduras.

A ideia deste artigo, é explicar o funcionamento geral deste hormônio, mas de forma simples para que a gente entenda de uma forma mais fácil e direta, sem que você tenha que estudar medicina para entender.

Ahh, quase ia me esquecendo. Entender o processo da insulina, foi fundamental para o meu processo de perda de peso. Ensinei este processo para as pessoas que quiseram mudar para um estilo de vida saudável, e elas me deram incríveis feedbacks dizendo que isto foi fundamental para que elas tivessem SUCESSO NO EMAGRECIMENTO.

A insulina também é muito importante para os marmanjos de plantão que querem “CRESCER”, ganhando massa magra e definição muscular. Sendo assim, leia o artigo até o final, e deixe seu comentário caso queira tirar alguma dúvida sobre o que eu escrevi, ok? Vamos começar.

O que é a insulina e porque ela é importante

A insulina é um hormônio super importante para o corpo. É ela que permite que o açúcar no sangue (chamado de glucose) entre nas células dando à elas a energia necessária para se manter e regenerar.

Em resumo, a insulina é o hormônio responsável por regular o açúcar no sangue, mantendo um equilíbrio.

Assim que o organismo identifica que tem açúcar(glucose) demais no sangue, insulina é secretada para transportar este açúcar e o corpo voltar ao equilíbrio.

Entendido até aqui, certo?

Muito Açúcar no sangue => Liberação de insulina => Equilíbrio novamente.

Como a insulina funciona no nosso corpo

Quando você come, seu corpo quebra a comida e a transforma em glucose no seu intestino delgado. Esta glucose é a fonte de energia do seu corpo para tudo que ele faz, como por exemplo trabalhar, pensar, treinar e se regenerar.

Quando o açúcar está alto, a insulina viaja por toda sua corrente sanguínea procurando por células que precisam de energia.

Uma pequena parte do que sobra deste açúcar(Glucose) é armazenada nos tecidos magros e o restante é armazenado como gordura.

Se o nível de açúcar no sangue cair abaixo de um mínimo, o organismo secreta outro hormônio (O Glucagon) para liberar o açúcar que foi armazenado nos tecidos magros (músculos) ou gordura, voltando a entrar em equilíbrio.

IMPORTANTE SABER:

Todo carboidrato vira açúcar no sangue, se ingerirmos altas doses de carboidratos, muita insulina é liberada e o excesso de açúcar vai ser armazenado como gordura.

Como a insulina armazena a energia Extra

Quando há um excesso de açúcar no sangue, a insulina pode transportar esta glicose para 2 destinos.

Destino 1: Glicogênio

Primeiramente, o organismo armazena este açúcar na forma de glicogênio que é uma energia de rápido acesso. O ogranismo consegue rapidamente devolver este açúcar no sangue para repor qualquer necessidade.

O glicogênio fica armazenado no fígado e dentro dos músculos, mas tem um problema. Temos uma capacidade muito limitada de armazenamento, estudos dizem que a capacidade de armazenar glicogênio é entre 300g e 400g.

Então, apesar do organismo sempre preferir armazenar o açúcar extra na forma de glicogênio por ser uma energia de rápido acesso, temos um limite.

E quando este “tanque” está cheio, o organismo armazena no segundo destino, nas células de gordura.

Destino 2: Gordura

Se nosso organismo já tem todo açúcar que precisa, o tanque de glicogênio no fígado e músculos já está cheio, bããããã, esta glicose vai virar GORDURA!

O organismo armazena gordura, principalmente quando temos Picos de Insulina, ou seja, quando comemos alguma coisa que vira açúcar muito rápido no organismo. Basicamente isto é causado pelo alto consumo de carboidratos, principalmente os simples e refinados. (tudo que é feito de farinha por exemplo)

Para evitar os picos de insulina, devemos entender de índice glicêmico e carga glicêmica. Explico isto de forma bem simples e direta em:

[Conceitos] Entenda de Índice Glicêmico para emagrecer

Muita insulina aumenta o Apetite, sabia?

Bom pessoal, este aqui é mais um segredo para quem quer ter sucesso para emagrecer.

Você já conheceu pessoas que logo depois de comer, mesmo comendo pouco, sentem-se cansadas e logo precisam comer denovo?

Isto acontece porque apesar de comer pouco, suas refeições são compostas basicamente de carboidratos provenientes de grãos (trigo, por exemplo) e muito pouca fibra, gordura e proteína.

Como este tipo de alimentação gera muito açúcar muito rápido na corrente sanguínea, o organismo libera uma dose alta de insulina que vai carregar todo este estoque de energia para as células de gordura. Simples, não é mesmo?

Vamos um pouco além..

Quando ocorre este pico de insulina, o organismo acaba liberando um pouco mais de insulina do que o necessário, ocorrendo uma queda rápida nos níveis de açúcar no sangue. Por causa desta queda, a pessoa sente-se cansada ou sonolenta e com fome de novo, para restabelecer novamente o equilíbrio na corrente sanguínea.

Resistência a Insulina

Bom, conforme vimos acima, sempre que tivermos níveis altos de insulina no corpo, não importa quanto a gente se acabe na academia, o corpo não irá usar a gordura como fonte de combustível, ou seja, não vai queimar gordura.

Então se você quer emagrecer, DEVE focar em manter níveis baixos de insulina na corrente sanguínea.

Na linguagem mais técnica, isto chama-se homeostase, que é a palavra que deram para o processo do organismo em manter-se equilibrado. Igualzinho uma balança.

Nas pessoas que possuem uma dieta completamente desregrada e baseada em carboidratos, ocorrem tantos picos de insulina e de forma tão frequente, que o organismo começa a se acostumar com um nível de insulina muito grande na corrente sanguínea.

Isto significa que cada vez o corpo vai precisar de mais e mais insulina para realizar o mesmo trabalho.

Este é o ponto em que o corpo está desenvolvendo RESISTÊNCIA A INSULINA. É como as drogas, ou o álcool, quanto mais o organismo se acostuma, maior a dose necessária. E com doses altas de insulina no corpo, bem.. a história fica triste meu amigo… você irá engordar mais e mais.

Neste estado, a pessoa pode já estar com pré-diabetes.

Veja o vídeo abaixo do Dr. Lair Ribeiro:

Como resolver este problema

Começar a se alimentar bem, reduzindo os carboidratos, principalmente àqueles com alto índice-glicêmico / Carga glicêmica. Clique aqui para entender o que é isso.

Sempre ingerir uma boa quantidade de proteínas nas refeições, incluindo os lanches e também uma dose de gorduras boas.

Se você quiser entender mais a fundo algumas formas de se livrar da resistência a insulina você precisa ler com urgência o artigo abaixo:

Dicas para melhorar a sensibilidade à insulina para emagrecer melhor

Considerações Finais

Em resumo, aumento exagerado e muito rápido de açúcar no sangue, gera o pico de insulina no sangue, fechando o farol (sinal vermelho) para queima de gordura e abrindo o farol (Sinal Verde) para o armazenamento de energia(gordura).

É simplesmente fundamental entender este conceito se você realmente quer dar um passo à frente no emagrecimento. Por favor, deixe seu comentário ou dúvida abaixo, pois a sua dúvida pode ajudar mais e mais pessoas.

E por último:

Não tenha medo das gorduras, mas elimine a todo custo os óleos vegetais. Evite ao máximo todo tipo de grãos (todos os tipos de pão, arroz, inclusive o integral, cereais, batatas, massas, tortillas, frituras com empanado)

Cerque-se de informações consistentes e baseadas na melhor ciência. Procure profissionais que estejam alinhados com suas pesquisas, pois muitos deles ainda vivem com informações desatualizadas ou manipuladas pela indústria de alimentos.

Um Grande Abraço e Sucesso!

Emagrecimento Tags: , , ,

Quer emagrecer? Deixe seus dados e receba periodicamente nossas dicas de dieta e estilo de vida saudável!

Daniel Darugna

Formado em Administração, certificado Project Manager Professional pelo PMI. Faixa marrom de Jiu-Jitsu. Alquimista na cozinha. Pesquisador na área da Saúde e Fitness e evangelista de um estilo de vida saudável. 

Artigos Recentes:

  • Rafaela Boeing Bernardi

    Excelente artigo Daniel, parabéns. Como tenho Diabetes e preciso medir a glicose a cada refeição, percebo tudo isso que vc falou de forma bem clara. Tanto que quando descobri ter Diabetes, eu havia perdido 10 kg em cerca de um mês e quando comecei a aplicar a insulina, engordei rapidinho.

    • Daniel Darugna

      Obrigado pelo feddback Rafa!

  • Deisinha silva

    Bem explicado essa postagem.Adorei

  • Roberto silva

    voce falou quanto o arroz integral tem que eliminá-lo, oque pode ser usado no lugar ja que e dificil pra quem precisa trabalhar e almoçar fora viver so de proteínas nao faz mau tambem

    • Jhonata Granele

      Em questão do arroz integral eu acho que não tem nada haver,pois comia muito arroz branco e engordei,mas com integral só emagreci sinal de que não manda muito açúcar pro sangue diferente do branco…

      • Daniel Darugna

        Arroz integral é uma bosta. Comprovadamente pode favorecer desenvolvimento de Alzheimer entre outras coisas.

    • Daniel Darugna

      Viver só de proteína e gordura eh impossível pois existe carboidrato em praticamente todos os legumes. Abasteça – se de legumes ou pelo menos recorra a bons carbs como a batata doce sem exagero.

  • Adriano Alencar

    Cara, mto bom seu artigo. Mas VC não responde as perguntas das pessoas!

    • Daniel Darugna

      Adriano. Tudo bem?

      O Blog é meu e eu respondo quem eu quiser e na hora que quiser.

      O choro é livre!

Receba em seu e-mail dicas sobre emagrecimento e estilo de vida saudável...